ALÍVIO

 

Dorme, dorme,meu anjo

Dorme sem angústia, sem medo,

Nem dor

Dorme sem ânsia

Dorme sem tormento

Dorme se preciso for

Mas se houver turbulências nos teus dias ou noites

Pense intensamente na imensidão do espaço.

Deixe meus pensamentos cruzarem com teus sonhos,

 ou imaginação

Fortaleça sua imaginação

Procure-me pelas constelações, cometas

.procure-me na neblina

Pode ter certeza que virei de onde estiver

Fazer-te sentir-me por perto

Para aliviar, te dar descanso.

O sol vai me levar por um tempo.

Mas não se preocupe.

Espere...

A noite ou na madrugada estarei de volta.

Talvez possa me sentir, que estou bem pertinho de vc.

Talvez também, possa sentir os meus toques nos teus cabelos

Sentir minha respiração

Encostar bem suavemente meu rosto no seu.

Dorme em paz meu anjo dorme.

Dorme sem angústia. sem medo

Dorme sem ânsia, sem angustia

Nem dor... Nem tormento.

Estarei com você quando quiser.

É só pensar de novo.

Quantas vezes quiser...

 

 

 

 

 

METEORO

 

Tenho que ser um meteoro...

E na velocidade da luz,

vou cruzar todo o espaço à sua procura.

e não vai haver barreiras espaciais que me impeçam.

E mesmo que:

. Mil portas me sejam fechadas

. Meteoros inimigos queimem meu corpo

. Meu sangue verta no cosmo de tantos desencontros

. A escuridão do espaço infinito esconda ainda mais você;

. O deserto atrapalhe meus sentidos

. O meu mar torne-se meu inimigo

. Minhas lágrimas se percam em uma tempestade

. Não me importarei; tenho que encontrar você!

E o farei

depois num vôo cósmico e tranquilo

levarei você pro meu universo,

nas minhas nebulosas;

Vou ficar olhando você

Em você terei um anjo

E prá esquecer tudo, nem sei por quanto tempo

 Vou me esconder nos teus cabelos

Até curar minhas feridas...

 

 

 

 

 

MELHOR VOCÊ NÃO IR

 

 

Acho melhor você não ir

Melhor ficar por aqui

Pode ser que aqui ainda seja teu lugar

Pode ser que ainda possa aprender a me amar

Acho arriscado você ir

E se aventurar por um mundo que não é seu

Trilhar por estradas perigosas

E com tantos caminhos que podem lhe fazer mal

Acho melhor você não ir

Melhor ficar por aqui

Você tentou, arriscou e perdeu

E sei que ainda está perdida

Mas sabe que sou teu guia

E que seu caminho pode ser o meu

Sua estrada, o meu peito.

Vou proteger você dos ventos fortes da vida

E dos ventos do tempo

Acho melhor você não ir

Melhor ficar por aqui.

 

 

 

 

 

S   U   M   I   Ç    O .

 

Sumiu do meu ser

 Nublou minha vida

Sumiu do meu ser

Sem sinal

Sem sentir

Sem prevenir

Sem saudades

Esqueceu palavras, pensamentos e gestos pensados

Sumiu do meu ser

Anoiteceu minha alma

Enfraqueceu minha existência

Sim...sumiu do meu ser

Sem saber que poderia ser parte de minha vida

Verdade...

 Sumiu do meu ser

Desertou de minha vida.

 

 

 

 

 

FOTOGRAFIA

 

Sem você não existem certezas

Não restam mais imagens em minha vida

Tento revelar meus pensamentos

Mas os espaços escurecem todo o me campo

Vazios percorrem tantos caminhos

Que não consigo focar horizontes

Nem o sol nascendo,nem o sol se pondo

...nem o entardecer

Não consigo focar luzes

Que possam clarear meus caminhos

Não tenho foco;

 distorço minha visão, meus pensamentos.

Procuro pela volta das imagens

Mas não consigo te-las de volta

Teriam que voltar...

 

é que não consigo tirar tua foto

Da frente de minha vida.

 

 

 

 

 

 

T   E   M   P   O

 

 

Conhecer-te,

uma coincidência incerta.

Ver-te,

uma eternidade, um sacrifício.

Ter você?  

Uma luta,

Esquecer-te

não está dando.

 

 

 

 

LUZES E FORMAS

 

Luz corta a neblina

E entra prateada no nosso espaço

Projeta sombras, desenhos e formas

Nestas formas

Meus pensamentos fazem a forma de seu corpo

E imagino minhas formas de procuras e buscas

Minha imaginação brinca com formas 

Com as luzes

Desenho na imaginação a nudez do teu corpo

Desenho com formas atitudes da minha audácia

Busco a forma de conseguir minha paz

Reflexos refletem a forma desta paz

 Luz corta a neblina

E entra prateada no nosso espaço

E segue a madrugada...

 

 

 

 

 

 

 

         

 

 

 

 

 

 

 

Website, Designs & Graphics by Rose Mori

Copyright 2011 – Direitos Reservados

Publicado em 26/07/2011