COMO TE SEI TANTO

 

Tolinha

 

 

Te sei...

porque  tens medo da “dor”

e te abraças à utopia na vã ilusão de conte-la,

Tens medo da ”morte’

como se ela não estivesse presente

em todo início e fim de teus dias.

Evitas o descuido...

Porque és “REI” dos panos quentes...

“Deus” de areia...

Não ouves os sons na respiração forte...

No teu ‘medo do amor’

desvias o calafrio...

do risco, da ousadia

Queres uma aposta ‘segura’...

uma aposta ‘certa’

Atento ao palpite

Tu  não ‘nadas’ no fundo...

não queres mudar nada nesse mundo...

E na maciez de teu leito

encontras o ‘sentido da vida’

Será fácil entender o pulso do teu tempo...

será festa romper teu riso sem fantasias...

É por isso que te sei tanto

 

 

Talvez  porque  tenhamos os mesmo ‘’anseios’’...

porque vivemos sós...

mesmo ao lado de tanta gente...

E procuramos encontrar ‘’gente ‘’

que sinta-se ‘inteiro’...

mas que mesmo assim,

queira ‘compartilhar seus dias...

 

 

Talvez eu te saiba tanto...

porque  tens muito de ‘mim’ em ti...

e eu possuo ‘muito de ti em mim’’

 

Agora mesmo penso em ti

(chego a te sentir)...

penso no que pensas...

não querer viver sozinho

nos ‘semi-tons’que todo sentimento possui...

Conheço pois...teus pensamentos,

tuas tristezas e alegrias...

Conheço os ‘mais puros’

e também os mais devassos ...

porque eu também os tenho ...

 

 

‘Tramas’ as palavras

- mas eu conheço teu silêncio -

‘Sonhas’ friamente

- mas eu conheço o calor de cada um desses sonhos -

‘Gritas mudo tuas dores...

mas conheço as lágrimas que produzem em ti...

‘Calas’.....mas conheço o conteúdo de cada palavra

Escondida... sufocada..dentro de ti ...

Quando serras o olhar em raivas contidas,

também  sei a imensidão da tua ira...

 

 

Te sei tanto porque conheço ...

Teu brilho...

Teu mel...

Teus deslizes...

Que ferem ou amaciam as frontes, o fel, a vida...

 

É simples...

te sei apenas..porque te amo

 

 

 

 

 

        

 

 

 

 

 

Website & Designs by Rose Mori

Graphics from  http://brisagrafics.com

Copyright © 2009 - Todos os direitos reservados

Publicado em 09/06/2010