A PESSOA CERTA

                   Rose Mori e Rosi Marques

 

Não peça a um poeta

que escreva sobre um tema.

Ele não saberia, porque não é redator:

é poeta!

E sendo assim,

só escreve quando a inspiração

aflora à sua mente.

E sua inspiração está sujeita

às nuances da alma,

às intempéries da vida,

às inconstâncias do amor.

O poeta vive o tempo

e suas estações.

O poeta escreve o tempo;

o poeta é o próprio tempo

que passa por nós

e deixa suas marcas

em folhas soltas

que são levadas pelo vento

de mãos em mãos,

de coração em coração.

Até caírem aos pés da pessoa certa.

 

 

 

 

...mas peça ao poeta  para escrever

sobre a flor, amor ou  a dor!

Ele saberá!

Vive tudo

muito além da mera tolerância de ser ator...

Tem na alma o mais puro amor...

a inocência da criança

que escorrega na calçada molhada,

e pensa que é a chuva que dança.

Esse poeta, não usa só a inspiração:

ele mostra a coragem além da razão.

Mostra amor contido no coração!

 

(Rosi Marques)

 

 

 

Música: Papillon - Secret Garden

 

VOLTAR     REFLEXÕES     CANTINHO DO POETA

 

HOME

 

 

Envie esta página clicando aqui

 

Website, Designs & Graphics by Rose Mori

Tutorial Malukos e Malukas por Scrippy

Imagem de Josephine Wall

Copyright © 2009 - Todos os direitos reservados

Publicado em 23/01/2009