ENCONTRO

 (Rose Mori)

 

Vinha eu andando pela   vida,

cabisbaixa, absorta em meus pensamentos

que em nada se prendiam;

apenas vagavam sem rumo certo.

Sentia no peito um  imenso vazio,

que só sente aquele que não tem objetivo,

que não sabe o que procura,

ou se realmente procura algo.

Um estado de letargia...

de indiferença...

como uma tarde morta de outono...

De repente, te  vi parado ali,

 no meio do caminho,

como se estivera à minha espera

por um longo período de tempo.

Me olhaste de um jeito tal,

que fez meu coração pulsar mais forte.

E quando me sorriste, aquele sorriso só teu,

senti meu corpo estremecer de puro êxtase. 

E compreendi, então,

  que era por  esse sorriso

 que eu havia esperado a vida inteira.

 

       

 

 

                   

 

 

 

Website, Designs & Graphics by Rose Mori

Tutorial de Malukos e Malukas por scrippy

Copyright © 2010 - Todos os direitos reservados

Publicado em 19/04/2010