PARA NÃO ME ARREPENDER

                             Rose Mori

 

 

Não é o que quero,

Mas é o que tenho.

E se perder, não terei nada...

E não ter nada

É cultivar um grande vazio

dentro do peito

é se sentir despido

de sensações e emoções...

Não é o que quero,

mas também não é o que não quero

e, com certeza,

é o que mereço ter.

Por isso, procurarei

no âmago de meus sentimentos

alguma coisa que justifique,

que console, que explique...

Mas, acima de tudo,

Procurarei encontrar,

na essência do ser,

o seu real valor e resgatá-lo,

para não perder o que tenho e não quero

e reconhecer,mais tarde,

quando o tempo passar inexorável

e eu me sentir só,

que tudo o que não queria,

era o que mais desejava possuir.










Website & Designs by Rose Mori

Graphics from  http://brisagrafics.com

Tube from Luz Cristina

Copyright © 2009 - Todos os direitos reservados

Publicado em 30/06/2009