Te amo!

 

Te amo com um estado de alma

 

que se perde entre o real e a utopia.

 

Te amo de tal forma,

 

que pra falar de mim,

 

primeiro,

 

preciso saber de ti.

 

Te amo com tal intensidade,

 

que se um dia te perder

 

dificilmente  me encontrarei.

 

E este amor

 

é toda minha inspiração.

 

O olhar que provoca,

 

o sorriso que encanta,

 

o toque que alucina,

 

as palavras cariciosas

 

que ecoam em minha mente

 

como música suave

 

deliciando meus dias,

 

fazem de mim escrava

 

deste vício que é te amar.

 

Um vício que me deleita

 

e me inspira a escrever

 

poemas sem rimas,

 

De frases soltas e desconexas

 

que só minha alma entende.

 

A minha...

 

e a tua...

 

                  

 

(Música: Damien Rice - The blower daughter)

 

 

Voltar   Home     Livro de Visitas

 

 

 

 

 

Website, Designs & Graphics by Rose Mori

 Todos os direitos reservados

Revisado em 26/11/2015