TE QUERO!

(Rose Mori)

 

Falar?

Falar o que?

Nestes momentos

que são tão nossos,

nos fogem todas as palavras;

os pensamentos ficam turvos

e só o  que predomina

é o sentimento de posse e doação,

que nos leva aos céus,

ao infinito,

ao fim do mundo que não tem fim,

provando que a magia existe,

desde que o amor

seja o senhor absoluto

do sentido da vida.

Não, não quero falar nada.

Quero apenas fechar os olhos

e sentir tuas mãos percorrendo

caminhos inusitados

em meu corpo que te anseia...

A espera foi longa...

cansativa em sua solidão,

Mas enfim chegaste e não te deixarei partir.

Não sem antes tomar o que tenho por direito

E te entregar o que por direito conquistaste

Quero trocas...

Quero posse...

Quero entrega...

Te quero!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Website, Designs & Graphics by Rose Mori

Copyright © 2009 - Todos os direitos reservados