REFLEXÃO 11

 

Uma coisa é você ter suas lutas interiores:

  todos nós as temos, de uma forma ou de outra.

Outra coisa é você se deixar abater,

se deixar vencer, se deixar dominar

por esses sentimentos contraditórios e negativos

que habitam seu coração.

Deus não criou o homem para ser vencido.

Deus criou o homem

para que habitasse a terra

e  perpetuasse a espécie,

sempre em busca do progresso,

principalmente,

 da evolução espiritual.

E não é Deus

quem coloca as pedras em nosso caminho; 

somos nós mesmos:

algumas leves, outras pesadas,

mas somos nós quem as  plantamos ali,

com nossas atitudes nem sempre ponderadas ou dignas.

 Portanto, a obrigação de remove-las 

cabe somente a nós. 

A Deus compete  fortalecer o nosso espírito,

mas temos que consentir

que Ele o faça, através da prece,

do recolhimento interior,

e da confiança Nele depositada.

Deus nos quer vencedores;

e ficar olhando para o próprio umbigo

não nos ajudará em nada.

Cada qual tem a sua própria dor

e essa dói mais do que a de qualquer outro,

porque somos nós quem a estamos sentindo.

Mas reconhecer  que a dor do outro é maior,

porque a ferida é maior,

nos dará forças

para superarmos a nossa própria dificuldade.

E devemos, acima de tudo,

confiar em Deus

e em nossa capacidade de vencer:

SEMPRE!

Website, Designs & Graphics by Rose Mori

Copyright 2010 – Direitos Reservados
Top Teias de Maria Tereza Armonia

Publicado em 09/12/2010